PARA DEUS TUDO É POSSÍVEL- Santana do Ipanema - sbado, 18 de novembro de 2017

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player


  Informação
Assistência Social
Cultura
Curiosidades
Economia
Educação
Entrevistas
Esportes
Geral
Moda & Beleza
Opinião
Polícia
Política
Religião
Saúde
Sexualidade
Turismo
Vídeos
  Especiais
Canal do Sertão
Especiais de Domingo
  Serviço
Documentários
Eventos
Galeria de Fotos
Guia de Negócios
Literatura
Shows e Festas
  Interativo
Fale Conosco
Mural de Recados
Rádio Portal Maltanet
Webmail
 
29/09/2017 - 10h 15min
Assistência Social

Programa Crianças Feliz é implantado em Santana do Ipanema

(Fotos: Jean Souza)
Por ASCOM Santana do Ipanema

Solenidade aconteceu na manhã desta quinta-feira (28), na Câmara de Vereadores e contou com a presença de diversas autoridades.

A Prefeitura de Santana do Ipanema, através da Secretaria Municipal do Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social, realizou a implantação do Programa Criança Feliz. A solenidade aconteceu na manhã desta quinta-feira (28), na Câmara de Vereadores, e contou com as presenças do excelentíssimo Sr. Juiz de direito Dr. Kleber Borba titular da vara de Infância e Juventude da comarca de Santana do Ipanema, prefeito Isnaldo Bulhões, primeira-dama Renilde Bulhões, vice-prefeita Dra. Christiane, secretárias Vera Araújo (Assistência Social), Normanda (Saúde) e Jacqueline (Educação), vereadores Mário Siqueira, Moacir Junior, Josefa Eliana e José Vaz, superintendente de Assistência Social do Estado, Elisberlania Correia, além de outras autoridades.

O programa tem o objetivo de fortalecer os vínculos familiares e comunitários e estimular o desenvolvimento infantil, por meio de visitas domiciliares, com foco na intersetorialidade, as famílias em situação de vulnerabilidade estão recebendo os visitadores que irão orientá-las quanto a cuidados básicos e essenciais para os primeiros mil dias de vida da criança.

Prefeito Isnaldo Bulhões

Na avaliação do prefeito Isnaldo Bulhões, a implantação do programa é um gesto de amor para as crianças:

"O gesto de aceitar o programa em nosso município é um gesto de amor às crianças. Vamos lutar em favor das nossas crianças, assim, abrimos as portas para um futuro melhor, pois ações na primeira infância se refletem na vida inteira", disse o prefeito.

O gestor ainda agradeceu a Câmara de Vereadores do município por autorizar o projeto de lei para o programa:

"Quero agradecer aos vereadores por aprovarem o projeto de lei que autorizou o crédito para o programa, que é muito bem-vindo. A adesão ao Criança Feliz demonstra nossa preocupação com a situação das famílias que vivem em situação de vulnerabilidade social. Este é um compromisso do seu prefeito, cuidar do povo”, enfatizou.

O presidente da Câmara de Vereadores, Mário Siqueira, parabenizou o prefeito por não ter medido esforços em aderir ao programa e disse que a Câmara cumpriu seu dever em autorizar o crédito par ao programa. Mário disse que “a câmara está a disposição para contribuir com Santana do Ipanema, sobretudo em uma ação que visa cuidar das crianças, futuro do país”.

Juiz Dr. Klebr Borba

O Juiz Kleber Borba, titular da vara de Infância e Juventude de Santana do Ipanema, destacou sua alegria e satisfação em participar da implantação do programa que para ele “chega para minimizar as situações de vulnerabilidade”. O magistrado ainda afirmou ser “louvável a iniciativa do sr. prefeito e de sua equipe para implantar o programa no município”.

A secretária de Assistência Social, Vera Araújo afirmou que "O programa Criança Feliz é o mais novo desafio para a política de Assistência Social. Promover qualidade de vida e garantir os direitos das nossas crianças está nos proporcionando uma grande alegria". Ela ainda ressaltou a importância da participação da sociedade civil organizada, que vem para contribuir com as ações desenvolvidas pela gestão pública municipal.

Secretária Vera Araújo entrega certificados de visitadores do Programa

De acordo com a coordenadora estadual do Programa Criança Feliz e superintendente de assistência social, Elisberlania Correia, um dos objetivos do programa é que daqui a 10 anos a sociedade possa ver as diferenças. Elis Correia agradeceu ao prefeito e aos vereadores pela adesão e aprovação para trabalhar na primeira-infância “vocês são co-responsáveis” e falou que mais de 50 municípios não conseguiram aderir ao programa porque a câmara de vereadores não entendeu a importância do programa.

   Comentários
Nome *
E-mail *
* Campos obrigatórios  
Comentário:

 Caracteres restantes : 1000
CAPTCHA Image
Digite o código de segurança da imagem acima: Obter outra imagem
 
 
© 2001/2017 - Portal Maltanet - Todos os direitos reservados