PARA DEUS TUDO É POSSÍVEL- Santana do Ipanema - sábado, 22 de julho de 2017

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

  Informação
Assistência Social
Cultura
Curiosidades
Economia
Educação
Entrevistas
Esportes
Geral
Moda & Beleza
Opinião
Polícia
Política
Religião
Saúde
Sexualidade
Turismo
Vídeos
  Especiais
Canal do Sertão
Especiais de Domingo
  Serviço
Documentários
Eventos
Galeria de Fotos
Guia de Negócios
Literatura
Shows e Festas
  Interativo
Fale Conosco
Mural de Recados
Rádio Portal Maltanet
Webmail
 
18/04/2017 - 11h 25min
Cultura

Prefeitura de Palmeira faz encontro indígena e reconta a história Xucuru-Kariri

(Fotos: Diego Pereira/Assessoria)
Assessoria

Em celebração ao Dia do Índio, comemorado em19 de abril, a prefeitura de Palmeira dos Índios, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, realizou ontem (17) à noite, no auditório da Escola Municipal Gerson Jatobá, o 1º Encontro Indígena - Recontando a História Xucuru-Kariri. O evento contou com palestras e apresentação de Toré (dança indígena).

O professor de filosofia do Instituto Federal de Alagoas (Ifal), Campus Batalha, Cosme Rogério Ferreira, falou sobre o aldeamento do período pombalino. O estudante de história da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal) Cássio Júnior proferiu palestra sobre a extinção do aldeamento até o ressurgimento. Já a líder da aldeia Jarra Helena Macário abordou a luta atual indígena.

O prefeito Júlio Cezar disse que sua gestão de governo se propõe a resgatar a cultura indígena para contar sempre, em eventos como este, a história dos índios do município. “A nossa gestão está comprometida, também, com a Cultura. E falar sobre os nossos índios é cultura, tradição e resgate da história. Não era para estarmos convivendo com tantas indiferenças e o povo indígena estar lutando, ainda, para o seu reconhecimento. Quem vai às comunidades indígenas vê a precariedade e a completa ausência de políticas públicas. As nossas aldeias têm um rico acervo histórico cultural e gastronômico, de conhecimentos ancestrais, de uma cultura que enriquece e que faz de nós a cidade que somos. Somos um governo que respeita, apoia e tem compromisso, principalmente com as minorias e quem mais precisa do governo”, destacou o prefeito.

E continuou. “Um município que leva em seu nome Palmeira dos Índios não trata, em sua Lei Orgânica, nada sobre os índios. Nós não temos no governo uma representação que possa dialogar sobre esses povos. Mas estamos minutando uma nova Lei Delegada, onde vamos ter uma porta que vocês possam apresentar suas demandas e que o governo possa ouvir e apresentar as políticas públicas para solucionar os seus problemas. O Dia 19 é um dia de debate, de reflexão. É um dia para refletir sobre as dificuldades que os povos indígenas enfrentam e, principalmente, a crueldade. Índios, ou não índios, têm os mesmos direitos de todo cidadão brasileiro. E com uma diferença. Precisamos reconhecer que foram os índios que povoaram e deram toda a contribuição para a formação deste país e desta cidade”, finalizou o prefeito.

Estiveram presentes ao evento os secretários municipais de Cultura Isvânia Marques, de Gestão Governamental Adalberon Sá Júnior, de Educação Alcineide Nascimento, de Articulação Institucional Manoel Barbosa, de Articulação Política Emílio Silva, de Desenvolvimento Econômico e Turismo Cléa Carvalho e os secretários adjuntos de Esporte Flávio Targino e de Educação Judite Rocha, o vereador Maxwel Feitosa, além de índios e líderes indígenas das aldeias Mata da Cafurna, Fazenda Canto, Jarra, Riacho Fundo e Amaro.

   Comentários
Nome *
E-mail *
* Campos obrigatórios  
Comentário:

 Caracteres restantes : 1000
CAPTCHA Image
Digite o código de segurança da imagem acima: Obter outra imagem
 
 
© 2001/2017 - Portal Maltanet - Todos os direitos reservados