PARA DEUS TUDO É POSSÍVEL- Santana do Ipanema - quarta, 13 de dezembro de 2017

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player


  Informação
Assistência Social
Cultura
Curiosidades
Economia
Educação
Entrevistas
Esportes
Geral
Moda & Beleza
Opinião
Polícia
Política
Religião
Saúde
Sexualidade
Turismo
Vídeos
  Especiais
Canal do Sertão
Especiais de Domingo
  Serviço
Documentários
Eventos
Galeria de Fotos
Guia de Negócios
Literatura
Shows e Festas
  Interativo
Fale Conosco
Mural de Recados
Rádio Portal Maltanet
Webmail
 
12/03/2017 - 20h 30min
Economia

Valor da cesta básica cai 8 reais no mês de janeiro em Santana do Ipanema

(Fotos: Imagem IlustrativaDivulgação)
Por Anderson Santos/UFAL Santana do Ipanema

Pesquisadores da UFAL divulgaram em nota técnica que o custo da cesta básica em Santana do Ipanema/AL teve queda de 2,78% (R$ 8,04) em janeiro. O valor passou de R$ 288,93 para R$ 280,89. A informação vem da 25ª nota técnica da pesquisa ?Acompanhamento do Custo da Cesta Básica no município de Santana do Ipanema/AL?.

O acompanhamento leva em consideração os alimentos que compõem a ração essencial mínima: carne, leite integral, feijão, arroz, farinha, tomate, pão francês, café em pó, fruta (banana), açúcar, óleo e manteiga.

Os pesquisadores indicam que sete produtos registraram variações positivas no período analisado, com destaque para a banana, que teve alta de 18,81%. De acordo com os pesquisadores, o aumento se deve à queda na produção da fruta, pois ?a condição climática prejudicou consideravelmente a produtividade, cuja estiagem da região sertaneja e de localidades circunvizinhas tem comprometido a sua qualidade e oferta, chegando ao consumidor final com preços mais elevados?.

Os outros produtos que aumentaram de preço em janeiro foram: farinha (13,47%), óleo (5,96%), pão francês (1,56%), arroz (1,00%), manteiga (0,81%) e café em pó (0,60%).

Os cinco demais produtos diminuíram de valor: feijão (-14,56%), carne (-8,06%), legumes (tomate) (-5,95%), leite integral (-5,41%) e açúcar (-0,67%). No segundo mês seguido como o produto com maior queda de preço, a baixa demanda pelo feijão se deve aos ?altos valores de comercialização e a baixa qualidade do grão vendido?, segundo a nota técnica.

A queda no valor total da cesta básica se refletiu no poder de compra do trabalhador remunerado com o piso nacional, passando de 35,69% em dezembro para 32,59% o comprometimento do seu rendimento líquido, deduzida a contribuição à Previdência Social, considerando o aumento do salário mínimo para R$ 937 em janeiro. Assim, o tempo necessário para este trabalhador adquirir a cesta básica caiu de 70 horas e 44 minutos para 65 horas e 57 minutos.

A nota técnica informa ainda que o desembolso para sustento mensal médio, levando em conta uma família com quatro pessoas (dois adultos e duas crianças) iniciou 2017 em R$ 842,67.

PROJETO

Coordenado pelo professor Fabrício Rios, o projeto ?Acompanhamento do Custo da Cesta Básica no município de Santana do Ipanema/AL? é desenvolvido desde dezembro de 2014. Colaboram 12 estudantes de Economia e Ciências Contábeis da unidade Santana do Ipanema/Campus Sertão da Universidade Federal de Alagoas (UFAL).

   Comentários
Nome *
E-mail *
* Campos obrigatórios  
Comentário:

 Caracteres restantes : 1000
CAPTCHA Image
Digite o código de segurança da imagem acima: Obter outra imagem
 
 
© 2001/2017 - Portal Maltanet - Todos os direitos reservados