Santana do Ipanema - sábado, 18 de novembro de 2017

  Informação
Assistência Social
Cultura
Curiosidades
Economia
Educação
Entrevistas
Esportes
Geral
Moda & Beleza
Opinião
Polícia
Política
Religião
Saúde
Sexualidade
Turismo
Vídeos
  Especiais
Canal do Sertão
Especiais de Domingo
  Serviço
Documentários
Eventos
Galeria de Fotos
Guia de Negócios
Literatura
Shows e Festas
  Interativo
Fale Conosco
Mural de Recados
Rádio Portal Maltanet
Webmail
 
Fábio Campos
Conheça o colunista Fale com o colunista
 

11/11/2017
ANIMAIS IRRACIONAIS
 
Acordei ontem com uma música passeando pelos neurônios, vinda lá do passado. Não lembrava quem era o cantor. No Google digitei o único verso que me vinha: “Às vezes eu olho pra terra sem compreender/ a luta dos seres humanos pra sobreviver” E Dom e Ravel saltaram aos meus olhos:

“Às vezes eu olho pra terra sem compreender
A luta dos seres humanos pra sobreviver
O grande açoitando o pequeno
Terceiros mandando apartar
Mas na maioria das vezes o grande não quer parar

Tem vezes que o desesperado se põe a pensar
Por que deve aos pés de um grande se ajoelhar
Eu passo por muitas igrejas pedindo respostas de Deus
Pra Ele calado no espaço ouvir os lamentos meus

Refrão: Animais nós os homens somos todos meio
Animais irracionais
Levantamos, guerreamos, e deitamos e rezamos antes
A vida é um sonho e nada mais. Oh! Cantem atrás.vagalume.com.br”

Os irmãos Farias: Eustáquio Gomes de Farias [*1944+2000] e Eduardo Gomes de Farias [*1947+2001] nasceram em Itaiçaba - Ceará. Lançaram seu primeiro LP [Long Play] em 1969 que tinha a música “Você também é responsável” que fala do homem do campo. E o governo aproveitou para fazer a propaganda do MOBRAL. Movimento Brasileiro de Alfabetização. No ano seguinte lançaram “Eu te amo meu Brasil” que foi sucesso com “Os Incríveis”. A vitória da Seleção Brasileira de Futebol na Copa de 70 no México, ajudou a alavancar este sucesso. A dupla acabou pagando um preço muito alto, os partidos de oposição ao governo começaram a dizer que eles eram garotos-propaganda da ditadura. Daí veio esta música “Animais Irracionais”[1971] que desagradou a gregos e troianos. É da dupla também a música “Marcas do que se Foi” que a rede Globo de televisão aproveitou para campanha de natal e ano de todos os anos. E o faz até hoje:

“Este ano quero paz no meu coração
Quem quiser ter um amigo que me dê a mão”

Acabei de ir novamente ao Google, pra saber se o nome do bairro de Maceió prestava homenagem ao compositor cearense, infelizmente não era.

Outro assunto que gostaria de abordar nesta crônica: o tema do Globo Repórter de ontem: O Sal. Reportagem riquíssima de conhecimentos a respeito desse importante elemento: o cloreto de sódio, para a vida dos seres humanos. O sal, como já sabíamos, deu origem ao termo salário, que era com que se pagava aos soldados romanos no remoto passado. A palavra vem da mitologia romana, de Salus deusa da saúde.

Jesus vai fazer referência ao sal em Mateus 5:13 “Vós sois o sal da terra. Se o sal perder o sabor, com que lhe será restituído o sabor? Para nada mais serve senão para ser lançado fora e calcado pelos homens.”

Passei a entender melhor este versículo da bíblia depois da reportagem de ontem sobre sal. Ao pesquisar descobri que as margens do mar Morto, citado em Sofonias (2,9) e no livro de Samuel 2 (8,13) existiu um vale de sal de oito quilômetros de extensão. E que existe sim um tipo de sal que pode sim se estragar e perder o sabor. Fonte: bíblia.com.br

Animal irracional, dizendo coisas racionais não é de hoje. O jornal que desafiou a ditadura: “O Pasquim” tinha como mascote: o Jaguar [coluna do Jaguar] que dizia coisas contra o governo militar [maldita Ditadura!]. O macaco Simão [jornalista José Simão] da Folha de São Paulo. Atualmente a irreverência do nordestino vem nas falas do Bode Gaiato [Breno Melo – Diário de Pernambuco].

Pra encerrar o Bode Gaiato e o ENEM:

“-O que caiu na prova do Enem?
-Minhas lágrimas...”

“-Ô mãinha diga aí uma frase Motivacional pra mim, que vô fazê a prova do Enem?
-Tire nota boa, se não Tu leva uma pisa bixiga!”

“-Só fiquei em dúvida em duas questões
-Só?
-As outras tenho certeza que errei.”

Fabio Campos, 11 de Novembro de 2017.


Últimas publicações
- ANIMAIS IRRACIONAIS
- DO CABELO AO ESCABELO
- MARACANÃ VIA ARAPIRACA
Colunistas
Antonio Machado
OS CONTROVERTIDOS LIXÕES
Archimedes Marques
DELEGADO ARCHIMEDES CONTRA O MATA SETE
Augusto Ferreira
Solidariedade começa com pequenos gestos
Carlindo de Lira
INTERIORIZAÇÃO versus METROPOLIZAÇÃO
Carlito Lima
SOCORRINHO
Cicero de Souza Sobrinho (Prof. Juca)
Fabulosa
Clerisvaldo B. Chagas
Resposta Benigna a Machado
Djalma Carvalho
COLEGA, GOZADOR, POLIGLOTA
Fábio Campos
ANIMAIS IRRACIONAIS
João do Mato
O QUE É UM PROBLEMÃO PODE TORNAR-SE UMA SOLUÇÃO
Joaquim José Oliveira Chagas
RETALHOS DE UM PAÍS
José Ailson Ferreira Leite
ESPECIAL SEMANA SANTA - DOMINGO DE PÁSCOA
José Antônio (Toninho)
Cirurgiões-dentistas ganham autorização para solicitar exames complementares
José Avelar Alécio
ENSINO PÚBLICO DE ALAGOAS x ENEM
José de Melo Carvalho
AFONSO ALECIO GOMES, UM BANCÁRIO EXEMPLAR
José Malta Fontes
SERTÃO EM FLOR
José Vaneir Soares Vieira
VIII - A TERRA E O CÉU FUGIRAM DE DEUS - i
Luciene Amaral da Silva
DETALHES
Manoel Augusto
Jogos de azar !!!???
Maria Lúcia Nobre dos Santos
RIO BALDO
Marta Alves Lemos
Desabrochando pra vida!
Paiva Netto
Lincoln, o prego e o reino
Pe. José Neto de França
VOCE SE CONSIDERA UMA PESSOA MEDROSA?
Pedro Cardoso Costa
ABRAÇO DE AFOGADOS
Rogivaldo Chagas
A NATUREZA DAS ESCOLHAS
Sibele Arroxellas
TAMBORIM

Últimas Atualizações
Lincoln, o prego e o reino
Brasil — vocação para o progresso
COLEGA, GOZADOR, POLIGLOTA
 
© 2001/2017 - Portal Maltanet - Todos os direitos reservados