Santana do Ipanema - quarta, 13 de dezembro de 2017

  Informação
Assistência Social
Cultura
Curiosidades
Economia
Educação
Entrevistas
Esportes
Geral
Moda & Beleza
Opinião
Polícia
Política
Religião
Saúde
Sexualidade
Turismo
Vídeos
  Especiais
Canal do Sertão
Especiais de Domingo
  Serviço
Documentários
Eventos
Galeria de Fotos
Guia de Negócios
Literatura
Shows e Festas
  Interativo
Fale Conosco
Mural de Recados
Rádio Portal Maltanet
Webmail
 
Djalma Carvalho
Conheça o colunista Fale com o colunista
 

05/12/2017
BALNEÁRIO CAMBORIÚ E OKTOBERFEST
 
Djalma de Melo Carvalho
Membro da Academia Santanense de Letras, Ciências e Artes.

Nem ao menos acabávamos de chegar de viagem a Portugal, já estávamos em voo Gol para o Rio de Janeiro, com conexão para Florianópolis, e daí, em confortável ônibus, com destino ao Balneário Camboriú, no litoral norte de Santa Catarina.
Na verdade, o destino final era Blumenau, também em Santa Catarina, onde se realizava a 34ª edição do Oktoberfest, o famoso festival de cerveja à moda alemã que atrai gente do Brasil e do exterior. O maior evento na modalidade na América do Sul.
No período de 5 a 9 de outubro de 2017 lá estivemos acompanhados dos casais Arnóbio/Silvana, Carlos/Sílvia, João/Meire e Sandro/Nara, além do menor Fernandinho e da sua avó materna.
Como do nosso pacote turístico constavam duas idas aos pavilhões do festival, optamos por apenas uma ida e volta, logo após a realização do belo desfile de abertura do festival, aplaudido entusiasticamente pelo público que lotou a avenida principal de Blumenau. Uma beleza de organização.
O Oktoberfest se realiza em quatro amplos e climatizados pavilhões de fácil acesso (todos bem sinalizados), cada um com palco próprio para bandas e shows que se alternam noite adentro. Estrutura e funcionamento sem falhas, a partir de balcões para venda de cerveja, refrigerantes, comidas e petiscos em geral. Muito chope e muita alegria que empolgam cerca de 30 mil pessoas, muitas das quais com trajes típicos alemães.
Permanecemos no Balneário Camboriú por três dias. Os demais casais ficaram hospedados no Hotel Sagres, enquanto eu e Rosineide ocupamos o Hotel Açores, bem próximos um do outro e da bela praia do famoso balneário, cuja enseada está repleta de arranha-céus e de moderníssimas torres. Também, de bares e de elegantes restaurantes.
Paralela à Avenida Atlântica, e com a mesma extensão, acha-se a Avenida Brasil, ou Avenida Central, onde o turista encontra bons hotéis, shoppings e lojas de importantes marcas.
Trânsito disciplinado e segurança para turistas e habitantes do lugar. Na cidade, segundo os guias de turismo, não há registro de roubos e assaltos.
A população atual do Balneário Camboriú é de cerca de 130 mil habitantes, número que chega a 500 mil nas noites de réveillon, capacidade do balneário tal a sua estrutura ocupacional de casas, edifícios e hotéis.
Recanto, afinal, encantador e convidativo. Preferência de veraneio de endinheirados brasileiros, à semelhança do balneário Punta Del Leste, na costa do Uruguai.
Maceió, outubro de 2017.



Últimas publicações
- BALNEÁRIO CAMBORIÚ E OKTOBERFEST
- COLEGA, GOZADOR, POLIGLOTA
- BALNEÁRIO CAMBORIÚ E OKTOBERFEST
Colunistas
Antonio Machado
30 ANOS APÓS O FALECIMENTO DO ESCRITOR VALDEMAR DE LIMA
Archimedes Marques
DELEGADO ARCHIMEDES CONTRA O MATA SETE
Augusto Ferreira
Solidariedade começa com pequenos gestos
Carlindo de Lira
INTERIORIZAÇÃO versus METROPOLIZAÇÃO
Carlito Lima
SOCORRINHO
Cicero de Souza Sobrinho (Prof. Juca)
Fabulosa
Clerisvaldo B. Chagas
Resposta Benigna a Machado
Djalma Carvalho
BALNEÁRIO CAMBORIÚ E OKTOBERFEST
Fábio Campos
A FORÇA QUE HÁ NAS LETRAS
João do Mato
O QUE É UM PROBLEMÃO PODE TORNAR-SE UMA SOLUÇÃO
Joaquim José Oliveira Chagas
RETALHOS DE UM PAÍS
José Ailson Ferreira Leite
ESPECIAL SEMANA SANTA - DOMINGO DE PÁSCOA
José Antônio (Toninho)
Cirurgiões-dentistas ganham autorização para solicitar exames complementares
José Avelar Alécio
ENSINO PÚBLICO DE ALAGOAS x ENEM
José de Melo Carvalho
AFONSO ALECIO GOMES, UM BANCÁRIO EXEMPLAR
José Malta Fontes
SERTÃO EM FLOR
José Vaneir Soares Vieira
VIII - A TERRA E O CÉU FUGIRAM DE DEUS - i
Luciene Amaral da Silva
DETALHES
Manoel Augusto
Jogos de azar !!!???
Maria Lúcia Nobre dos Santos
RIO BALDO
Marta Alves Lemos
Desabrochando pra vida!
Paiva Netto
Tecnologias assistivas
Pe. José Neto de França
VOCE SE CONSIDERA UMA PESSOA MEDROSA?
Pedro Cardoso Costa
ABRAÇO DE AFOGADOS
Rogivaldo Chagas
A NATUREZA DAS ESCOLHAS
Sibele Arroxellas
TAMBORIM

Últimas Atualizações
30 ANOS APÓS O FALECIMENTO DO ESCRITOR VALDEMAR DE LIMA
Tecnologias assistivas
A FORÇA QUE HÁ NAS LETRAS
 
© 2001/2017 - Portal Maltanet - Todos os direitos reservados